LoL: Riot e Tencent anunciam Tengjing Sports e empresa será responsável pela LPL; entenda

um comentário

Com o tema principal sendo “Construindo o futuro dos eSports”, foi realizado em Shangai, na China, o League of Legends China Esports Summit, um evento que reuniu diversos empresários de grandes marcas envolvidas no mercado de games e esports na china, em especial, nomes afiliados a marcas como Riot Games, Tencent e membros do governo chinês.

Durante o evento, a Riot e a Tencent anunciaram uma joint venture intitulada Tengjing Sports & Culture Development (Xangai) Co., Ltd. (ou apenas Tengjing Sports), com um capital inicial de 530 milhões de RMB (aprox. 291 milhões de reais). Para os desentendidos, uma joint venture é a união de duas grandes empresas que unem capital e recursos para operar em uma entidade empresarial com interesses semelhantes, fazendo uma gestão conjunta e a partilha dos lucros. 

A grande novidade por trás da Tengjing Sports é que joint venture passará a ser responsável pela LoL Pro League, a liga chinesa de maior prestígio no cenário de League of Legends. A decisão torna a LPL livre do sistema de franquias e a coloca em um novo caminho, onde a Tengjing irá operar a liga como uma empresa independente, visando um aumento na eficiência da mesma.

De acordo com os relatórios, o Diretor de Esports da Tengjing, Qiangsheng Ye – também chefe da Riot Games na China e no Sudeste Asiático -, estabeleceu três metas para o desenvolvimento da LPL nos próximos anos:

  1. Alcançar um total de 1 bilhão de RMB em receita;
  2. Alcançar um total de 4 bilhões de horas assistidas para a LPL;
  3. Tornar a LPL um dos IPs de esportes mais valiosos do China.

Para que os objetivos sejam alcançados com sucesso, o co-CEO da empresa, Song Li – também funcionário da Riot Games -, afirmou que a LPL deve melhorar em três aspectos agora em 2019, visando a construção de um ecossistema mais sustentável. Os aspectos são:

  1. Ajustar as regras e regulamentos LPL: gestão e regras competitivas, regras de cooperação empresarial, salário e regras de compensação;
  2. Otimize o modelo de negócios: estabelecendo um modo de torneio residencial / afastado sustentável e explorando novas ideias com a possibilidade de utilizar plenamente o potencial de organizações e clubes que trabalham em conjunto. Ao coordenar os recursos dessas organizações, espera melhorar a eficiência geral e a lucratividade da LPL;
  3. Invista no sistema de talentos profissionais: melhore ainda mais o sistema de formação de jovens, estabeleça um programa de orientação e concentre-se em ter uma trajetória de desenvolvimento de carreira.

Quando tudo for formalizado entre as empresas, é esperado que a Tengjing eSports tome a frente da LPL com o objetivo de aumentar o valor da marca, assumindo certas responsabilidades sociais voltadas para três dimensões dos esports: as pessoas, o bem-estar público e a energia positiva.

A matéria anterior foi difundida com base no texto publicado pelo VPEsports, no dia 11 de janeiro de 2019.

Anúncios

1 comentário em “LoL: Riot e Tencent anunciam Tengjing Sports e empresa será responsável pela LPL; entenda”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.