Pro League: Ninjas in Pyjamas empata com MiBR e adia finais mundiais

A definição da primeira classificada para as finais mundiais da Pro League, que poderia acontecer nesta quarta-feira (2), ficou para a próxima rodada. A líder Ninjas in Pyjamas tropeçou diante do MiBR e perdeu a chance de carimbar seu passaporte rumo a Tokoname, no Japão. O público pôde acompanhar as quatro partidas do dia nos canais oficiais do Rainbow Six Esports Brasil na Twitch e no YouTube.

Black Dragons e INTZ protagonizaram o primeiro confronto da décima rodada. Com autoridade, a BD conquistou uma importante vitória e ainda sonha em chegar ao Japão. A partida que aconteceu na sequência terminou em um empate que não foi bom para NiP nem para MiBR. Quem conquistou um importante triunfo foi a Team oNe, que bateu a FaZe Clan e encostou na briga por uma vaga na próxima fase. A Team Liquid também alcançou mais três pontos contra a lanterna Elevate e deixou a adversária em situação quase irreversível na luta para fugir da zona de repescagem.

Dessa forma, o campeonato segue indefinido a quatro rodadas do fim. Com 26 pontos, os Ninjas estão seis à frente da vice-líder FaZe Clan e garantem a classificação para as finais na próxima rodada se ao menos empatarem com a Team oNe, terceira colocada com 16. A Liquid ficou em quarto lugar, com 15, seguida pela Black Dragons, que tem 14. O INTZ caiu para a sexta posição, com 12, e precisa reagir para se manter distante das duas últimas: MiBR, que somou 7 pontos até o momento, e Elevate, que tem apenas 1.

 

Black Dragons 7×2 INTZ e-Sports.

No primeiro jogo do dia, a Black Dragons dominou o INTZ no mapa Casa de Campo e conseguiu uma importante vitória para encostar na parte de cima da tabela. O time comandado por Pedro “pzdd” mostrou a força de seu ataque e rapidamente abriu 5 a 1 na partida. Sem alternativas, o INTZ não conseguiu encaixar sua tática e não evitou a derrota por 7 a 2. Com o resultado, a BD se recupera no torneio e mantém viva a esperança de classificação para as finais mundiais.

Gleidson “GDNN1”, jogador da Black Dragons, classificou a preparação da equipe para a partida como essencial para o triunfo: “Havíamos estudado alguns mapas do INTZ, pois já sabíamos quais poderiam ser escolhidos e criamos táticas para neutralizar a estratégia deles. Eles tentaram algumas defesas exóticas e isso facilitou o nosso trabalho”.

Ninjas in Pyjamas 6×6 MiBR.

A partida mais equilibrada da rodada reservou um duelo frenético entre Ninjas in Pyjamas e MiBR. Com a chance de garantir sua classificação para Tokoname, a NiP até tentou surpreender o adversário, mas do outro lado encontrou Daniel “Novys” em um dia inspirado. Ele e sua equipe alternaram rodadas com os Ninjas, que chegaram a ter um matchpoint a favor. Com calma, a MiBR superou a defesa e garantiu o empate em 6 a 6.

Na opinião do coach da NiP, Arthur “AR7HUR”, a equipe se equivocou em alguns momentos da partida, mas o saldo é positivo: “Foi uma partida complicada, até mais do que esperávamos. Estávamos lentos no ataque e isso nos atrapalhou no início. Em alguns rounds, forçamos demais a trocação e, quando tivemos um pouco mais de paciência, ganhamos as rodadas”.

Já Daniel “Novys”, da MiBR, afirmou após o jogo que o time está se recuperando do início irregular na Pro League: “Melhoramos bastante, mas ainda deixamos a desejar. Passamos por uma fase complicada no primeiro split e foi preciso analisar onde estávamos errando. Chegamos aos últimos mundiais por conta do nosso estilo de jogo, que era mais agressivo, porém consciente e coletivo.”

Team oNe eSports 7×4 FaZe Clan.

Com outra boa atuação, a Team oNe venceu a FaZe Clan no mapa Consulado e entrou de vez na briga pela classificação. A partida começou com a T1 dominando suas rodadas de ataque com agressividade e variação de jogadas. Atrás no placar da Pro League, a FaZe até ensaiou uma reação, mas, com ótimo desempenho no after plant, os Golden Boys confirmaram a vitória por 7 a 4 e mais três pontos na tabela de classificação.

Para Igor “Vivas”, analista da Team oNe, a versatilidade do time tem ajudado em momentos decisivos: “Tínhamos uma ideia de jogo pré-definida no ataque e até oscilamos um pouco em alguns deles. Temos um leque de táticas muito grande em cada mapa, então quando algo não dá certo podemos usar outras opções para poder ocupar o lugar”.

Elevate 3×7 Team Liquid.

No mapa Litoral, a Team Liquid dominou a partida contra a Elevate e conseguiu um importante resultado positivo para a sequência do campeonato. Liderada pela dupla André “Nesk” e Luccas “Paluh”, a Cavalaria conseguiu abrir boa vantagem nas rodadas de defesa: 5 a 1. O desempenho da Elevate melhorou após a troca de lados, mas não foi o bastante. A Liquid mostrou calma e ótimo jogo coletivo para confirmar a vitória por 7 a 3.

Após a partida, o destaque da Liquid, Luccas “Paluh”, exaltou a vitória que mantém o time na briga pela classificação: “A dificuldade de enfrentar a Elevate é a agressividade do time. Em muitas ocasiões, nos surpreenderem pela imprevisibilidade. Será difícil, mas vamos dar o máximo nas próximas partidas para tentar buscar uma vaga nas finais”.

Ninjas in Pyjamas tenta confirmar a classificação nesta sexta-feira (4).

A semana da Pro League continua na sexta-feira (4) com mais quatro confrontos válidos pela 11ª rodada a partir das 19h. Destaque para a partida entre Ninjas in Pyjamas e Team oNe, que pode definir o primeiro classificado para as finais mundiais no Japão. Caso vença ou empate, a NiP carimba o passaporte. A T1, no entanto, tenta estragar a festa e se aproximar ainda mais dos líderes.

Para mais notícias, acesse aqui.

Comentários