LoL: Novo patrocinador da LEC gera revolta em casters da liga

Atualização (30/07): A Riot Games anunciou o final da parceria com a NEOM após revolta da comunidade. Leia aqui.

Nessa quarta-feira (29), a LEC anunciou a companhia NEOM como novo patrocinador, a empresa é responsável pelo desenvolvimento de uma cidade planejada na Arábia Saudita. A parceria surpreendeu negativamente o público da principal liga de LoL da Europa, e gerou uma onda de protestos nas redes sociais que chega a incluir os próprios narradores e analistas da liga.

Explicando o caso

A NEOM é uma cidade planejada que está sendo construída na Arábia Saudita e é um investimento de 500 bilhões de dólares. O anúncio foi feito pelo príncipe herdeiro Mohammad bin Salman, suspeito de ser um dos mandantes do assassinato do jornalista Jamal Kashoggi, além da acusação de ser responsável por decapitar pessoas injustamente, incluindo uma execução em massa em 2016.

Além das suspeitas sobre o príncipe herdeiro, a construção da cidade NEOM está sendo denunciada por expulsar os povos originais da região, a ativista Alia Hayel Aboutiyah al-Huwaiti chegou a afirmar que a cidade está sendo construída “em cima do sangue e dos ossos” de seu povo.

Direitos humanos 

Além dos motivos já descritos, muitas pessoas, incluindo a comentarista Froskurinn, se sentiram ofendidas com o anúncio do patrocínio por conta do histórico da Arábia Saudita quando se trata dos direitos da comunidade LGBTQIA+, que é uma bandeira que a própria LEC defende.

A advocacia pelos direitos LGBT+ é ilegal no país, e homossexuais que vivem no país podem chegar a ser condenados a chibatadas, exílio e até a pena de morte por apedrejamento.

“Isso é decepcionante, porque é a LEC. É a minha equipe, meu produto, meus gerentes, meu escritório. Minha família, minha casa. Não é alguém distante no escritório que eu não conheço. Isso é devastador porque sei quem fez essas escolhas e me sinto silenciada” foi a fala da caster em seu Twitter pessoal.

Reação dos casters

Além dela, diversos outros casters e analistas se mostraram surpresos e decepcionados com a nova parceria da LEC, chegando a compartilhar notícias sobre a NEOM, alguns exemplos são os narradores Quickshot e Drakos e a host Sjokz.

“Existem muitos dias bons para ser um membro da equipe da LEC, hoje não é um deles”, disse Drakos.

Em resposta a uma fã que perguntou se a equipe da LEC irá protestar oficialmente, a host Sjokz disse que não poderia responder agora, pois toda a equipe estava em choque.

Até o momento da publicação dessa matéria a Riot Games não se pronunciou sobre o caso. Também não sabemos se a equipe da LEC irá realizar algum protesto contra os novos patrocinadores da liga. A competição irá retornar nesta sexta-feira (31).

E para ficar por dentro de todas as novidades da cultura pop de jogos, música, filmes e séries, acompanhe o Multiverso+ nas redes sociais: FacebookInstagram e Twitter.

LEIA TAMBÉM:

Circuitão: Harumi fala sobre sua estreia no competitivo

Circuitão: Havan e oNe estão nas semifinais!

CBLoL 2020: paiN na liderança isolada e Keyd afunda

Comentários