LoL: Em um segundo dia inspirado da Vivo Keyd, CBLoL garante classificação no Rift Rivals

A competição realizada nos Estúdios da Riot Games Brasil, entre os dias 4 e 8 de julho, conta com a participação das regiões LLN (América Latina Norte), CLS (América Latina Sul) e CBLoL (Brasil).

Diferentemente do primeiro dia da competição, as equipes brasileiras jogaram o esperado, com exceção do último jogo dos meninos da KaBuM!, que acabou perdendo para a equipe considerada mais fraca na competição, a Rebirth eSports, representante da CLS, em um jogo onde o time brasileiro apresentou um draft bastante questionável.

Quanto aos guerreiros da Vivo Keyd, este apresentaram um jogo bem superior aos adversários, como era o esperado dos fãs por conta dessa formação ser a maior campeã do cenário, na passagem dos jogadores pela INTZ e-Sports. Destaque para o jogo entre Vivo Keyd x Kaos Latin Gamer, onde tivemos mais um show do suporte Jockster com seu Pyke, provando que os adversários precisarão sim banir o campeão quando enfrentar o time brasileiro.

Resultados do Dia 2
Infinity eSports CR Infinity eSports CRlogo std.png10Rebirth eSportslogo std.png Rebirth eSports
Vivo Keyd Vivo Keydlogo std.png10Rainbow7logo std.png Rainbow7
KaBuM! e-Sports KaBuM! e-Sportslogo std.png10Infinity eSports CRlogo std.png Infinity  eSports CR
Kaos Latin Gamers Kaos Latin Gamerslogo std.png01Vivo Keydlogo std.png Vivo Keyd
Rebirth eSports Rebirth eSportslogo std.png10KaBuM! e-Sportslogo std.png KaBuM! e-Sports
Rainbow7 Rainbow7logo std.png10Kaos Latin Gamerslogo std.png Kaos Latin Gamers

O Rift Rivals retornará com as semifinais no sábado, dia 07/07, com a rivalidade clássica entre as Américas Latinas Norte e Sul, para decidir quem enfrentará as representares brasileiras na grande final, que acontece no domingo, dia 08/07.

A classificação do Dia 2 ficou assim:

Tabela final da competição, o CBLoL ficou com a primeira colocação por conta de ter vencido mais partidas contra a LLN, sendo este o primeiro critério de desempate – Imagem: Riot Games

O Multiverso+ segue na cobertura completa do Rift Rivals 2018.

Comentários