LOL: Red Bull Solo Q chega à final brasileira

O Red Bull Solo Q, torneio League of  Legends para amadores, chega à grande final brasileira nesta sexta-feira (23). Pela primeira vez na história, a competição testa as habilidades dos competidores no modo ARAM (All Random All Mid) em um formato de 1×1.

Os duelos em busca do título serão decididos em uma MD7. O jogador que primeiro realizar um dos critérios abaixo, vence a partida:

  • O primeiro que eliminar o oponente duas vezes antes da marca de sete minutos;
  • O primeiro que abater o oponente uma vez após a marca de sete minutos (terá um círculo de chamas que chega a este ponto);
  • O primeiro que derrubar a torre do adversário.
Tadalol é visto na final do Red Bull Solo Q Brasil ao vivo do Riot Studios em São Paulo, Brasil | Reprodução: Red Bull Solo Q
Tadalol é visto na final do Red Bull Solo Q Brasil ao vivo do Riot Studios em São Paulo, Brasil | Reprodução: Red Bull Solo Q

O toplaner e atual campeão Eduardo ‘Tadalol’ Uemura terá de mostrar a versatilidade da sua champion pool, pois, na última edição, enfrentou os adversários com Tryndamere, Camille e Aatrox, em uma rota e mecânica de jogo bem diferentes. O jogador afirma que está confiante, mas que foi difícil ter de pensar nas possíveis ameaças de picks dos meus inimigos.

Retornar à final pela terceira vez seguida é muito gratificante, pois mostra que estou sendo constante nestes três últimos anos. O fato de ser um novo mapa me pegou um pouco desprevenido em relação à itemização e ao pool de campeões, pois o “sustain mana” não é mais tão importante, visto que não dá pra acabar mais em farm. Então, foi desafiador ter de pensar nas possíveis ameaças de picks dos meus inimigos. Mas, acredito que essa alteração foi boa, porque favoreceu os meus picks de bruiser, além de que eu posso focar mais na parte das trocas de dano sem me preocupar com o farm do meu oponente”, analisa Uemura.

O grande campeão do Red Bull Solo Q irá faturar o título brasileiro de melhor amador de LOL 1×1, troféu personalizado, computador gamer e outras premiações especiais. Em 2022, o torneio conta com apoios de Aorus, Agon by AOC, FURIA e Claro Gaming.

A grande final ocorre nesta sexta-feira (23), a partir das 19h (horário de Brasília), e a trasmissão, que será comandada por por SchaeepiTakeshi e Rafa, poderá ser acompanhada através da Twitch e do TikTok.

E para ficar por dentro de todas as novidades de jogos, música, filmes e séries, acompanhe o Multiverso+ nas redes sociais: FacebookInstagram e Twitter.

Leia mais:

LBFF 8: Destaques da sétima semana

BR6: Terceiro turno têm BD e Team oNe na frente 

Free Fire World Series retorna em novembro

Comentários

Jornalista paixonado por games, eSports e também por tentar entender os mais profundos anseios e questionamentos humanos. Formado pela Universidade Federal de Pernambuco.

Lucas Lopes

Jornalista paixonado por games, eSports e também por tentar entender os mais profundos anseios e questionamentos humanos. Formado pela Universidade Federal de Pernambuco.