Skip to content
Primeiro dia do CBLOL 2022 |Reprodução/Riot Games

CBLOL 2022: LOUD ganha e Guigo faz pentakill

Após uma grande espera, o Campeonato Brasileiro de League of Legends, o CBLoL, deu início ao seu primeiro split de 2022, que está recheado de novidades. Além do novo patch 12.1, que tem impacto significativo nas partidas, o CBLoL traz novidades em suas dinâmicas e em sua transmissão.

Agora o torneio mira na inclusão social e traz a tradução simultânea das partidas para a Lingua Brasileira de Sinais. Outra novidade que o torneio traz é uma breve modificação nos playoffs, que agora contará com dupla eliminação.

Confira abaxio como foi o primeiro dia do CBLoL 2022:

LOUD x FURIA

Primeiro jogo do primeiro split do CBLOL 2022, FURIA vs LOUD | Reprodução/Riot Games
Primeiro jogo do primeiro split do CBLOL 2022, FURIA vs LOUD | Reprodução/Riot Games

O inicio do primeiro jogo do dia foi marcado por uma invasão da FURIA na selva da LOUD, que teve como consequência o primeiro abate do dia a favor da FURIA. Esse foi apenas o inicio de um early game bastante agressivo por parte da FURIA.

Mesmo com menos abates, a primeira torre acaba ficando nas mãos da LOUD. O mid game mostrou uma LOUD crescente, cobrando bastante as investidas da FURIA e tendo uma vantagem boa de visão. Entretanto a FURIA não quis deixar barato e também cobrou na rota superior e nos objetivos.

O mid game mostrou a falta de sincronia por parte da LOUD, que é cobrada toda vez pela falta de um posicionamento bem pensado. Mesmo com a vantagem no ouro sendo da LOUD, a FURIA mostra um avanço de mapa melhor.

O late game novamente mostrou uma LOUD crescente, conseguindo um bom controle de grupo e um bom dano. As vantagens entre os times começam a ficar menores, o que permitiu que os dois times controlassem bastante a partida. Sabendo se posicionar melhor no final do jogo, a LOUD conseguiu abater o barão e sair em vantagem no jogo.

Tendo conseguido aproveitar do escalonamento, as vantagens e os buffs, a LOUD levou a primeira partida do dia.

NETSHOES MINERS X FLAMENGO

Segundo jogo do primeiro split do CBLOL 2022, MINERS vs. FLAMENGO | Reprodução/Riot Games
Segundo jogo do primeiro split do CBLOL 2022, MINERS vs. FLAMENGO | Reprodução/Riot Games

O segundo jogo do dia teve um início mais equilibrado, com os times mantendo um bom avanço de visão e ouro. Com uma boa estratégia de gank, o primeiro abate ficou nas mãos do Flamengo, que começou a avançar no ouro.

Mesmo com avanços por parte do Flamengo, o mid game foi da Miners. O time começou a mostrar um bom dano e um bom posicionamento. As vantagens conquistadas pela Miners favoreceram um avanço na mid lane, o que abriu uma certa condição de vitória em cima dos rubro negros.

O late game mostrou ainda mais o aproveitamento que a Miners teve em cima de suas vantagens. Levando praticamente todas as teamfight, a Miners abateu o barão e conseguiu abrir larga vantagem de mapa, deixando a base do Flamengo sem o seu inibidor da mid lane.

Fechando o jogo passando por cima do Flamengo, a Miners conseguiu quatro abates ao seu favor e levou a segunda vitória do dia.

KaBuM! X INTZ

Terceiro jogo do primeiro split do CBLoL 2022 | Reprodução/Riot Games
Terceiro jogo do primeiro split do CBLoL 2022 | Reprodução/Riot Games

Com uma composição com um bom clear wave e um bom poke por parte da KaBuM!, o inicio do terceiro jogo foi traquilo, mas com altas expectativas por parte dos dois times. Com cuidado, os times buscaram rotacionar sem causar tantos alardes.

Apesar de todo cuidado, a primeira teamfight da partida cedeu três abates para a INTZ, deixando os intrépidos com bons recursos e um início de vantagem. Contudo, o início do mid game mostrou um bom posicionamento por parte da KaBuM!, porém a INTZ ainda teve uma breve vantagem nas teamfights.

A vantagem no mid game, por sua vez, acabou ficando nas mãos dos ninjas. Conseguinho manter um ritmo de jogo acelerado, a KaBuM! levou a melhor nas teamfights, conseguindo uma boa vantagem de ouro enquanto conseguiu levar as torres com muita facilidade.

O late game não seguiu rumos diferentes. A KaBuM! mostrou um ótimo controle de rotas, um bom posicionamento e um bom proveito das vantagens. Continuando a levar a melhor nas teamfights, os ninjas abriram rota do meio, o que permitiu entrassem na base dos intrépidos, abatessem boa parte do time e levarem a terceira vitória do dia.

RENSGA X RED Canids

Quarto jogo do primeiro split do CBLoL 2022 | Reprodução/Riot Games
Quarto jogo do primeiro split do CBLoL 2022 | Reprodução/Riot Games

O quarto e último jogo do dia de jogos começou acelerado e difícil para a Rensga. A atual campeã do CBLoL, a RED, começou o jogo bastante agressiva e aproveitando uma boa rotação e dominação nos objetivos. O early game continuou agressivo por parte da matilha, que abusou nas teamfights e levou bastante vantagem.

Com a chegada do mid game, o começou a tomar outros ares. A Rensga começou a conseguir se mater forte durante as teamfights, o que fez com que a RED ficasse mais cautelosa. No late game a história continuou a mesma. A Rensga começou a aproveitar mais de seu spike e a RED começou a perder a vantagem.

Conseguindo um belo ACE após a conquista de seu segundo dragão infernal, a RED conseguiu se reerguer no jogo e levar o barão. Apesar disso, a RED ainda sofreu um pouco com o dano que a Rensga começou a ter. Mesmo sofrendo, a RED conseguiu ter um belíssimo pentakill em cima da Rensga e levou a ultima partida do dia.

E para ficar por dentro de todas as novidades de jogos, música, filmes e séries, acompanhe o Multiverso+ nas redes sociais: FacebookInstagram e Twitter.

Leia também:

CBLoL 2022: Jogador da paiN testa positivo para Covid

Wild Rift Icons: Mundial contará com 24 times de 8 regiões

Wild Rift: Vivo Keyd contrata Maynah, Katrina e Odyceuz

Comentários
+ posts

Jornalista paixonado por games, eSports e também por tentar entender os mais profundos anseios e questionamentos humanos. Formado pela Universidade Federal de Pernambuco.

Jornalista paixonado por games, eSports e também por tentar entender os mais profundos anseios e questionamentos humanos. Formado pela Universidade Federal de Pernambuco.

Back To Top