VCTBR: Resultados da estreia da Fase 3 | Multiverso+

VCTBR: Resultados da estreia da Fase 3

Nesse sábado (31) tivemos a estreia da terceira fase do VCT Challengers Brazil 3ª Etapa, valendo as últimas vagas para o Masters. Ecomo em todas as estreias, no primeiro dia foram disputadas MD1.

NO ORG2.0 VS Vivo Keyd

O primeiro jogo da noite foi no mapa Bind e a NO2 começou no lado da defesa. No pistol, mesmo tendo colocado a spike no chão, a VK não conseguiu segurar o retake extremamente agressivo da NO2 que também consegue garantir o segundo round, porém nos dois próximos rounds a VK já conseguiu o empate. No sétimo round, a NO2 conseguiu tomar a dianteira com um desarme com nervos de aço onde dois jogadores se sacrificaram para garantir o round mesmo com a molotov e a ultimate do Brimstone sendo utilizadas para impedi-los e depois disso a metade foi definida com uma pequena vantagem da VK com o placar de 7×5.

Na segunda metade, a NO2 nem parecia que queria jogar. Sem tirar o mérito da VK que sem duvidas jogou muito, a NO2 cometeu muitos erros e não conseguiu encontrar nenhuma forma de emplacar no ataque sendo mandada pra chave baixa sem marcar nenhum ponto com o placar de 13×5 para a VK.

Reprodução: Valorant Brasil / Riot Games

 

Ingaming VS Havan Liberty

Repetindo o mapa anterior, tivemos a Bind nesse conflito com a ING começando na defesa, a ING já saiu na dianteira ganhando o pistol e ficou nisso mesmo porque quem logo conquistou a dianteira foi a HL marcando 3 rounds seguidos e apesar de manter essa vantagem durante um bom pedaço dessa metade, o placar fica em 7×5 para a HL.

Na segunda metade a HL ganha o pistol e o segundo round deixando a situação preocupante para a ING, mas preocupante não significa perdido e de pouco em pouco a ING vai encostando no placar, no round 21 abre a HL abre o match point e logo em seguida elimina a ING com o placar de 13×8.

Reprodução: Valorant Brasil / Riot Games

 

Slick VS Jaguares

O mapa para o terceiro jogo foi Haven e a JGG começou sua estreia na defesa. SLK começou bem ganhando o pistol e por conta de alguns problemas técnicos a partida sofreu uma longa pausa. No retorno da partida, a SLK conseguiu manter o momentum da partida a seu favor marcando 4 rounds seguidos, após uma pausa a JGG começou a tomar o jogo nas próprias mão e consegue terminar essa metade com a vantagem no placar de 7×5.

Segunda metade se inicia com a SLK novamente levando o pistol, mas a JGG já trata de voltar ao controle do jogo e consegue garantir o mapa em seu jogo de estreia com o placar de 13×7 em cima da SLK.

Reprodução: Valorant Brasil / Riot Games

 

Furia VS Extenzy

Novamente um reprise de mapa pra fechar a noite com Haven tendo a EXZ na defesa, a FUR começa abrindo na dianteira ganhando o pistol e o segundo round e mesmo perdendo o terceiro round volta a abrir vantagem em cima da EXZ, a FUR controla bem o ritmo da partida porem antes da troca de lados a EXZ consegue garantir pontos importantes e diminui a vantagem da FUR fechando o placar dessa primeira metade em 7×5 para a FUR.

A FUR novamente ganha o pistol e o jogo segue de maneira bem disputada mas com a EXZ sempre um pouco atrás no placar, mas essa distancia vai aumentando e a FUR consegue fechar o mapa em 13×8.

Reprodução: Valorant Brasil / Riot Games

E para ficar por dentro de todas as novidades de jogos, música, filmes e séries, acompanhe o Multiverso+ nas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Leia também:
CBLOL 2021: Vorax vence e paiN está nas semifinais

R6: 4ª Etapa do Circuito Feminino começa nesta quinta-feira

R6: Ninjas in Pyjamas é campeã da Copa Elite Six

Comentários

Jogador do que da na telha, Game Designer nas horas vagas

Pedro Henrique CastelPoggi

Jogador do que da na telha, Game Designer nas horas vagas