World of Warcraft Burning Crusade Classic™ na BlizzCon 2021

A comunidade de World of Warcraft aclamou pela volta do clássico. Pediu e conseguiu. A Blizzard traz novidades diretamente da BlizzCon 2021, que ocorreu nesta última sexta-feira.

Além do Portal Negro, no mundo arrasado de Terralém, os exércitos demoníacos da Legião Ardente preparam uma invasão. Esta com certeza colocará todo o mundo de Azeroth em perigo. Ainda este ano, os jogadores de World of Warcraft regressarão às ruínas vis da Península Fogo do Inferno para cortar a incursão pela raiz.

BlizzCon 2021
Divulgação Blizzard

 

 

A comunidade foi atendida

Vale lembrar que, portanto, redescobrirão o que vem rondando os subterrâneos das florestas fúngicas do Pântano Zíngaro e enfrentarão Illidan, o Traidor, uma vez mais em Burning Crusade Classic, uma recriação autêntica da primeira e aclamada expansão de World of Warcraft, da Blizzard Entertainment.

“A comunidade de World of Warcraft deixou claro que queria o WoW Classic, e agora ela está doida para continuar essa jornada em The Burning Crusade” , declarou J. Allen Brack, presidente da Blizzard Entertainment.

“Desde o lançamento de WoW Classic, à medida que fomos soltando as atualizações de conteúdo, aprendemos muito sobre o que os jogadores esperam de uma experiência como essa em 2021. Portanto, estamos trabalhando a partir disso para garantir que as novas aventuras dos jogadores em Terralém sejam épicas como nunca, estejam eles tornando a atravessar o Portal Negro ou realizando a travessia pela primeira vez.”

As novidades 

 Burning Crusade Classic expande o conteúdo épico de World of Warcraft Classic, dando aos jogadores uma oportunidade de viver mais um capítulo lendário na saga de Warcraft®. A partir do lançamento e ao longo das atualizações de conteúdo que estão por vir, essa recriação trará de volta as características da expansão de 2007, como:

  • O reino arrasado de Terralém – em resumo, atravesse os rochedos e picos traiçoeiros das Montanhas da Lâmina Afiada, onde até os dragões têm medo de pisar; cace na companhia dos Mag’har, os orcs que jamais foram corrompidos, nas ilhas flutuantes de Nagrand; confronte agentes demoníacos da Legião à sombra do Templo Negro e muito mais.
  • Duas raças jogáveis novas – em suma, lute pela Horda como elfo sangrento, buscando uma nova fonte de energia arcana para alimentar sua raça. Ou junte-se à Aliança como draenei, o povo exilado de Terralém, em busca de um novo lar.
  • Portões da Arena – para resumir, junte seus aliados de confiança e mostre sua perícia em combates JxJ 2×2, 3×3 e 5×5, em arenas como o Ringue da Provação e o Círculo Sangrento.
  • Montarias voadoras – corte os céus caóticos de Eternévoa e sobrevoe o Vale da Lua Negra com a introdução de montarias voadoras em Terralém.
  • Raides e masmorras desafiadoras – em conclusão, conquiste masmorras de 5 jogadores na fortaleza de cristal da Bastilha da Tormenta e nas Cavernas do Tempo, onde os heróis testemunham o passado de Azeroth. Invada os salões assombrados de Karazhan (10 jogadores), e equipe-se ao longo da jornada para um confronto climático contra Kil’jaeden no Platô da Nascente do Sol (25 jogadores).
  • Novas opções para os heróis – entalhe gemas de poder para engastar nos equipamentos, com a profissão de Joalheria; escolha entre a facção dos Aldor ou dos Áugures em Shattrath e conquiste recompensas exclusivas; crie um paladino na Horda, ou um xamã na Aliança; e muito mais.
BlizzCon 2021
Divulgação Blizzard

Diferenciado

Antes de cruzar o Portal Negro, os jogadores poderão fazer uma escolha para cada um de seus personagens já existentes em WoW Classic. Eles poderão escolher entre progredir para a era da Cruzada Ardente junto com os demais heróis da Horda e da Aliança do seu reino ou continuar desbravando o conteúdo original do WoW Classic nos novíssimos servidores da “Era Classic”. Estes que vão sair junto com o Burning Crusade Classic.

Os jogadores que quiserem o melhor dos dois mundos terão a opção de “clonar” cada personagem do WoW Classic mediante a contratação de um serviço pago, que permitirá que o herói adentre o mundo de Burning Crusade Classic enquanto sua cópia continua a aventura original no reino da Era Clássica. Mais detalhes sobre cada tipo de reino e as opções disponíveis aos personagens serão informadas posteriormente.

Já os jogadores que não tiverem personagens prontos para a jornada além do Portal Negro, mas tiverem o interesse em se aventurar por Terralém com seus amigos, a Blizzard oferecerá um upgrade de personagem para o nível 58 bem pertinho do lançamento da expansão.

BlizzCon 2021
Divulgação Blizzard

Importante aviso

A fim de preservar a integridade das conquistas dos jogadores em WoW Classic, esse upgrade não poderá ser usado em reinos da Era Classic. Isso também incluí não usar nas raças elfo sangrento e draenei. Além disso, os jogadores só poderão evoluir um personagem por conta de World of Warcraft.

Assim como foi com WoW Classic, o acesso a Burning Crusade Classic estará incluso em todas as assinaturas vigentes de World of Warcraft sem custos adicionais. No futuro próximo, a Blizzard Entertainment vai dar o pontapé inicial no teste beta de Burning Crusade Classic. Além disso, convocará os jogadores para dar um retorno das suas experiências e, assim, ajudar a expansão a alcançar o maior equilíbrio possível entre autenticidade e diversão.

Para saber mais informações sobre Burning Crusade Classic, acesse www.wowclassic.com.

Leia também:

Blizzard® Arcade Collection é anunciado com sucessos originais

Xbox Game Pass: Dirty 5 e mais jogos fecham o mês de fevereiro

Melhores promoções de games do Carnaval

Comentários

Ana Schuch

Jornalista & Blogueira. Não foge de um bom filme, série ou um jogo da hora. Fã da Marvel e apaixonada por Tomb Raider <3