LoL: IDM afunda ProGaming e Flamengo oblitera Vivo Keyd no CBLoL 2018

O CBLoL retornou neste final de semana para sua 6ª rodada! Confira como foram os confrontos deste sábado (28).

E-LEET_banner-multiverso_700x150px_01 (2)

ProGaming Esports 1-2 Ilha da Macacada Gaming

No primeiro jogo da série, Minerva (Graves) começou muito bem o early game, garantindo vantagem tanto para si mesmo na selva, quanto para os seus companheiros de equipe. O jogador conseguiu apagar Cariok (Trundle) do começo de partida, o que resultou em torres mais fáceis para Vert (Zoe) e companhia. As vantagens em torres só aumentavam para PRG, mas ao mesmo tempo, Anyyy (Kassadin) e Sarkis (Varus) abusavam do tempo e farmavam, visando o momento deles no jogo.

Mesmo com uma ótima composição para realizar pick offs, fazer rotações e garantir objetivos, a mesma em questão não era boa para lutas e foi nisso que a IDM jogou. Após uma team fight na rota do meio, com bela iniciação do Fitz (Kennen) e um ótimo teleporte do Anyyy, a Macacada mostrou que a sua composição lutava melhor, e foi assim até a luta que se desmembrou na rota inferior, na qual um duplo teleporte do Anyyy junto com o Fitz, resultou em mais uma boa luta para os campeões do Circuitão.

O jogo acabou com a IDM abusando da falta de visão da ProGaming, que teve Minerva, Vert e Professor (Alistar) morrendo no rio próximo ao covil do dragão. Após eliminar os jogadores, Cabu e companhia marcharam em direção ao Nexus inimigo e venceram o primeiro jogo do sábado!

Destaque: Anyyy, Meio, 9/04

O segundo jogo da série trouxe  novamente uma PRG agressiva nos primeiros minutos de jogo. Só que dessa vez, ao invés de jogar em torno da rota superior, Minerva (Camille) voltou seus recursos para a bot lane, que teve Luskka (Varus) e Professor (Alistar) abusando o tempo todo de Sarkis (Swain) e Cabu (Rakan). Com o jogo ganho na rota inferior, a PRG se voltou para a mid lane, onde tiveram dificuldades de aplicar seu jogo, visto que o Anyyy (Fiora) estava conseguindo fazer um bom trabalho de pressão sobre o Vert (Yasuo). Contudo, os bons momentos da IDM foram poucos e após diversos erros, já estava sendo impossível parar Professor e companhia.

Tendo vantagem nas três rotas do jogo, a representante da loja de eletrônicos soube abusar disso e na primeira oportunidade que teve, executou o Barão da partida. Com o buff em mãos, eles só precisaram avançar pela rota superior, levar o inibidor exposto, e vencer a última team fight da partida, que garantiu o Nexus para a ProGaming e o empate na série.

Destaque: Vert, Meio, 8/1/3

O terceiro e último jogo da série foi o mais disputado entre as duas equipes. A IDM Gaming começou bem, conseguindo o first blood em cima do Vert (Darius) na rota do meio. O early/mid game se resumiu nisso: Cariok (Camille) chegando de surpresa e virando as lutas para o seu time. Quando o confronto se voltou para rota do meio, o time da ProGaming tentou iniciar várias lutas, em sua maioria, começando com um pick off, que na maioria das vezes, tinha o Cabu (Braum) como vítima. Contudo, a IDM Gaming sempre dava um jeito de virar o confronto, e foi assim que eles ganharam o jogo, contra atacando a PRG e abusando bastante do dano do Sarkis (Varus) e do Anyyy (Yasuo), ambos cruciais nessa partida.

Outro ponto importantíssimo da partida foi a anulação que o Skybart (Kled) sofreu enfrentando o Fitz (Urgot). Essa diferença ficou clara na última luta do jogo, que foi iniciada pela PRG na selva da IDM e teve uma contra-resposta bastante positiva por parte da Macacada, que depois dali foi só avançar pela mid lane e garantir a vitória da série, complicando a situação da ProGaming no CBLoL.

Destaque: Cabu, Suporte, 0/4/6


Vivo Keyd 0-2 Flamengo Esports

O confronto entre Flamengo e VK tinha importância diferente para ambos os lados. Enquanto o Fla buscava a liderança do campeonato (ao lado da CNB, ambos com 12 pontos), a Keyd procurava não se manter na zona de rebaixamento.

O primeiro jogo teve um early game bastante disputado pelas equipes, não só em objetivos, mas também em abates. Contudo, quando o placar de abates atingiu o 11-11, o Flamengo conseguiu estourar uma luta que entregou a brTT (Lucian) e companhia o controle total do jogo. Naquele ponto, o Revolta (Skarner) já não conseguiu mais abusar da função de pick off, o Tockers (Orianna) não conseguia abusar da força de sua campeã e o Yang (Gragas) já não encaixava na partida. O resultado final foi um Fla dominante, que conseguiu dizimar o “Exodia” e abrir a última série do dia com vitória.

Destaque: Goku, Meio, 8/0/5

No segundo jogo, a Vivo Keyd soube ler melhor o draft montado pelo Flamengo e montou uma composição que no papel, conseguiria um jogo melhor do que o anterior. De fato, o time conseguiu pressionar mais com o Yang (Jax) dominando o Jisu (Kled) no topo e no Revolta (Zac) conseguindo pressionar o Goku (Zoe) no mid. Entretanto, a sincronia entre brTT (Lucian) e esA (Rakan) somada com os engages do Shrimp (Sejuani), colocaram o Flamengo mais uma vez a frente na série, levando o time tradicional do Rio a mais uma vitória no CBLoL 2018. Segue o líder! (Pelo menos por enquanto).

Destaque: brTT, Atirador, 8/2/2


O Campeonato Brasileiro de League of Legends retorna amanhã (29) com os seguintes confrontos:

13h – INTZ x RED Canids
15h – KaBuM! x CNB e-Sports Club

Você pode acompanhar os confrontos ao vivo nos canais oficiais da Riot Games na Twitch e no Youtube.


A cobertura completa você confere aqui no Multiverso+.

Comentários