SDCC 2020: Painel comemorativo dos 15 anos de Constantine

A San Diego Comic Con (SDCC) é conhecida por ter muitas e muitas novidades, mas também por ter seus painéis comemorativos e de homenagem.

Na SDCC @ Home deste ano tivemos o painel especial de homenagem à Charlize Theron (leia a matéria aqui), de Gerorge Romero (leia aqui), e hoje tivemos o especial de aniversário de 15 anos do filme Constantine.

Participantes

O tão aguardado painel contou com um número reduzido do seu elenco, mas que trouxe curiosidades que o público não sabia sobre o filme.

Estiveram presentes o produtor Akiva Goldsman, o diretor Francis Lawrence e o ator Keanu Reeves (John Constantine).

O tom do filme

Apesar de a moderação do editor chefe da Collider’s, Steven Weintraub, proporcionar alguns momentos meio caóticos durante os menos de 50 minutos de painel, pudemos ter uma noção sobre tudo o que foi feito e toda a coragem necessária para desenvolver o filme há 15 anos atrás.

Francis  e Akiva explicaram que ficaram muito tempo tentando fazer o projeto dar certo. Foram quase 9 meses para que Francis convencesse os produtores e a Warner Bros de que o filme merecia uma chance, e que a presença Keanu era uma das coisas que ele precisava que desse certo para que o filme acontecesse. Dentro de sua visão de filme, com inspiração mais nos filmes noir do que propriamente no quadrinho, Francis precisava de alguém como Keanu.

Keanu ainda revelou que a primeira pesquisa que fez sobre o personagem o deixou apreensivo, afinal, ele não era nem loiro nem inglês. Mas Francis confirmou ao final do painel que nunca fora sua intenção seguir estritamente a aparência original.

O diretor revelou que houveram algumas tentativas de deixá-lo mais próximo, como a inserção do icônico casaco caramelo ou da parceira de John, mas devido ao tom que eles buscavam para o filme, ambas tentativas foram descartadas.

O momento do cinema em seu lançamento

Akiva e Francis falaram também sobre a diferença do interesse da produtora (Warner Bros Studios) antes e depois de ver um pedaço das filmagens.

Francis contou que no começo do projeto, que era realizado concomitantemente com o filme Batman Begins de Christopher Nolan, não houve muita cobrança ou mesmo esperança no projeto de Constantine. Foi depois que um trecho das filmagens foi editado e enviado que a produtora percebeu que tinha algo muito diferente nas mãos.

Ele também contou que foi justamente este trecho que a Warner Bros viu, que foi apresentado na SDCC daquele ano, no estúdio H, para que o público em geral pudesse vê-lo, e geral uma comoção inimaginável.

A repercussão

Se tratando de um filme com alto custo investido e muito hype, o estúdio queria que ele fosse um filme PG13(+13 anos), e Francis contou que eles seguiram todas as regras da MPPA (Agencia reguladora dos EUA) para isso. Mas que devido ao seu tom e seu tema em religião, em menos de 20 minutos de análise, a MPPA o classificou como R(+18 anos).

Isso influenciou muito em sua estréia, e devido às adaptações e seu visual diferente dos quadrinhos, causou uma impressão não tão boa na crítica da época.

Sucesso nos dias atuais

Porém, este não é o caso nos dias de hoje.

Constantine vêm sendo cada dia mais reconhecido como um grande filme. Suas cenas incrivelmente visuais se tornaram clássicos para muita gente. Tanto é que, no momento em que esta matéria está sendo escrita, menos de 2 horas após a disponibilização do vídeo do painel no youtube, já houveram mais de 4 mil visualizações, um numero bem expressivo comparado a outros painéis desde o início da SDCC @ Home.

Isso claramente foi refletido no painel, onde podemos visivelmente ver a saudade e o saudosismo do elenco ao relembrar cenas e o dia-a-dia do set de filmagem de Constantine.

E se houvesse uma sequência?

Por fim, Steven pergunta a Akiva e Francis se alguma vez houve uma conversa sobre uma Parte 2, e Akiva é categórico: Sim. Segundo ele, houveram muitas idéias, muitas tentativas, mas devido ao cenário e repercussão da época, não foi possível.

Talvez, se estreiasse nos dias de hoje, Constantine teria uma recepção diferente, e até teríamos uma sequência de John Constantine em nossas vidas?

Você pode assistir ao painel clicando no vídeo abaixo:

Para quem ficou com saudades, Constantine está disponível no catálogo da Netflix!

E vocês? O que achariam de uma continuação? Comenta aqui embaixo!

 

Continuem acompanhando nossa cobertura completa e sigam nas redes sociais!

E para ficar por dentro de todas as novidades de jogos, música, filmes e séries, acompanhe o Multiverso+ nas redes sociais: FacebookInstagram e Twitter.

Leia também:

SDCC 2020: É revelada a nova data de estreia de Novos Mutantes

SDCC 2020: Saiba mais sobre o aconteceu no painel Marvel’s 616

Crítica do novo filme original Netflix: A Barraca do Beijo 2

Comentários