Sem Maturidade Para Isso: Crítica das temporadas

E vamos falar sobre Sem Maturidade Para Isso! Uma das mais novas séries animadas da Cartoon Network que recentemente ganhou sua 2ª temporada, e que vem em uma leva de animações com temas adultos que a Cartoon tem feito nos últimos anos.

Sem Maturidade Pra Isso" é excelente animação adulta na Netflix | A Gazeta

Como são as histórias dessa série animada?

As histórias de Sem Maturidade Para Isso giram em torno da vida do jovem casal Josh e Emily, que se casaram ainda no início da vida adulta, e tiveram uma filha já bem cedo: a pequena Candice. Porém, como o aluguel na cidade deles não é barato, eles dividem a casa com outros dois amigos que eram um casal, porém se separaram: a Bridgette (uma jovem adulta que vive no celular e mantém uma banda com a Emily desde a faculdade) e o Alex (um professor que não teve muito sucesso profissional).

Através deles, o roteiro trabalha com muito humor e um crescimento das situações de uma maneira surreal temas que são adultos, principalmente na facha etária dos personagens principais adultos (Josh, Emily, Bridgette e Alex), que estão entre 20 – 30 anos.

A série fala sobre responsabilidades parentais, dificuldades do cotidiano, drogas, redes sociais e a influência dessas na vida das pessoas, entre outros temas muito relevantes, mas tudo de uma maneira branda, mas não subjetiva. A mensagem que cada episódio quer passar está claro, mas toda a construção do episódio tendo como base a comédia e o non sense traz um equilíbrio muito forte para a série.

E uma parte desse equilíbrio está também no fato de se tratar de um desenho. Certos exageros na trama, como aparecer um cavalo que sabe falar com seres humanos, ou um casal que costura os braços para não se separarem, são melhor aceitos por estarmos vendo justamente uma animação, e esse é um ponto essencial: a história de Sem Maturidade Para Isso só funciona por ser um desenho, e um de grande qualidade.

Quando eu estava vendo esse desenho, ele me lembrou outro da Cartoon. Tem alguma ligação com Sem Maturidade Para Isso?

Tenho certeza que o desenho que você está tentando lembrar é Apenas um Show, e sim, tem ligação. Sem Maturidade Para Isso e Apenas um Show compartilham do mesmo criador: J. Q. Quintel. Ele é um animador, diretor, dublador (faz inclusive a voz de um dos protagonistas), produtor e storyboard, e tem um traço artístico que já é sua marca registrada.

Esse traço vai desde o estilo de desenho que ele dá para seus personagem (nas duas séries animadas, da para se notar um padrão no desenho dos personagens, do mundo em si, e em outros pontos), até o roteiro: em todos os episódios, a situação apresentada no início vai extrapolar de uma maneira absurda, e, em alguns casos, completamente surreal.

E uma outra igualdade entre Sem Maturidade Para Isso Apenas um Show é terem episódios curtos, de 11 minutos cada. No caso de Sem Maturidade Para Isso, que está na plataforma Netflix, cada episódio no serviço de Streaming vem com 23 minutos, mas é porque cada episódio na Netflix consista na junção de dois episódios da série. E ambas as temporadas tem apenas 8 episódios.

E como vão as duas temporadas de Sem Maturidade Para Isso?

Ambas as temporadas são excelentes.

Ela consegue herdar com excelência o non sense e o surreal que Apenas um Show tinha, mas também adaptando a história para um tom mais familiar e adulto. E não se engane, esse desenho é adulto. Desde a sua premissa à seu roteiro, tudo é para atender a um público que já esta com mais de 20 anos. Inclusive, acho que uma boa parte das piadas não tem a mesma graça para uma criança do que tem para o seu público alvo, e também incluo as piadas que tem a Candice, que apesar de ser uma criança, não é usada na série para infantilizar, mas para cumprir o papel de que uma criança tem na vida dos adultos.

De negativo, ressaltaria apenas que há uma certa variação na qualidade das piadas em si de um episódio para o outro, o que faz com que certos episódios sejam mais engraçados e outros menos. E isso se reflete em uma diferença entre as temporadas também.

Enquanto a primeira temporada tratou de temas mais familiares, a segundo já tratou de temas mais gerais, e que no fim deu espaço para fazer piadas e situações mais engraçadas. O que não prejudica muito a primeira temporada, que é sensacional, mas a segunda conseguiu ser melhor.

Com isso, é justo dar para a primeira temporada de Sem Maturidade Para Isso uma nota de 8,0/10 e para a segunda temporada uma nota de 8,5/10 na escala de qualidade do Multiverso+. Só não chega a 9,0 ou 10, porque realmente há uma variação na qualidade da piada dos episódios, porque tecnicamente a série é um deleite para os olhos.

Enfim, e você? O que achou de Sem Maturidade Para Isso? Escreva nos comentários sua opinião, e para mais críticas e notícias sobre cinema e séries, siga o Multiverso+ nas redes sociais.

Facebook

Instagram

Twitter

Leia também:

As Meninas Superpoderosas: piloto é rejeitado e será refilmado

Army of the Dead, de Zack Snyder: A crítica

M+ Podcast 70: Mas e aí Marvel

Comentários
+ posts

Um historiador por profissão, que ama cinema e televisão e escreve por diversão.

Gustavo Nunes

Um historiador por profissão, que ama cinema e televisão e escreve por diversão.